Est. June 12th 2009 / Desde 12 de Junho de 2009

A daily stopover, where Time is written. A blog of Todo o Tempo do Mundo © / All a World on Time © universe. Apeadeiro onde o Tempo se escreve, diariamente. Um blog do universo Todo o Tempo do Mundo © All a World on Time ©)

sábado, 31 de março de 2018

Janela para o passado - gira-discos Thorens, 1971

Memorabilia - smarts relógios Corum

Meditações - passado, presente e futuro

Mas ainda me hão-de explicar o que é que tem de fascinante o presente, e como é que sabem que o futuro vai ser melhor. Nem o presente é brilhante, o que acontece é que estamos presos nele, temos que viver nele, e nem ninguém sabe o que vai ser o futuro porque a essência da história é a surpresa. Pelo contrário, no passado podemos escolher algum proveito e exemplo, mesmo que saibamos que ele nunca se repete, e se se repete, como dizia Marx, tem sempre tendência para ser como comédia. Corrijo aqui o velho Karl, nos nossos dias há uma alta probabilidade de começar como comédia e acabar como tragédia outra vez. Veja-se Donald Trump.

José Pacheco Pereira

sexta-feira, 30 de março de 2018

Janela para o passado - TAP, 1971

Memorabilia - caneta, relógios Breitling

Os votos pascais das jóias Lancaster

Meditações - o passado tem má imprensa

Resumindo e concluindo: o passado tem má imprensa, o presente é o melhor que há e o futuro então não se fala, é o período da felicidade perfeita, tanto mais perfeita quando todos já estaremos mortos.

José Pacheco Pereira

quarta-feira, 28 de março de 2018

Janela para o passado - Pantene, 1971

Memorabilia - mochila relógios Breitling

Meditações - o tempo não se esgota nos relógios

El tiempo no se agota en los relojes, está sobre ellos. No les obedece. Sería como creer que la fiebre la crean los termómetros … Los relojes marcan un tiempo y ¡hay tantos a la vez!

José Luís Sampedro

terça-feira, 27 de março de 2018

Janela para o passado - revista juvenil Jacto, 1971

Meditações - o Universo é infinito no tempo para a frente, mas não o é para trás

Além do infinito matemático existe um infinito físico, por exemplo o infinito no espaço ou o infinito no tempo. Provavelmente, o nosso Universo é infinito, mas não temos a certeza. Há quem especule até que há infinitos universos, constituindo o chamado Multiverso. Provavelmente nunca o saberemos, De qualquer modo, só temos acesso directo a uma parte do nosso Universo, aquela que está dentro da esfera limitada pelo horizonte observável. Por causa do Big Bang, o acontecimento “explosivo” com que o Universo se iniciou há cerca de 14 mil milhões de anos ( o Universo é infinito no tempo para a frente, mas não o é para trás, é semi-eterno em vez de ser eterno), a matéria está a sair para fora da grande esfera do observável, fazendo com que o número de objectos astronómicos contáveis nessa esfera seja cada vez menor. É como se as nossas portas da percepção estivessem fechadas.

Carlos Fiolhais


segunda-feira, 26 de março de 2018

Janela para o passado - gravador de fita, 1971

Meditações - espaço e tempo

Fala-me da solidão do tempo e do espaço.
Quantifica o que está num lado e noutro.
Sê rigoroso, como a quântica merece.

Mas, poupa-me aos infinitos finitos, ao visível que não vemos, ao espaço que tempo é, e, principalmente, ao tempo que não tem espaço. Talvez aí, sejamos capazes de coisas simples, como, numa esplanada à beira mar, dizer : "Foi por ti, que a razão das coisas mudou".

Teresa Amaro

domingo, 25 de março de 2018

Janela para o passado - Gás da Companhia, 1971

Meditações - defende-te do tempo e de seus danos

Livro, se luz desejas, mal te enganas.
Quanto melhor será dentro em teu muro
Quieto, e humilde estar, inda que escuro,
Onde ninguém t'impece, a ninguém danas!

Sujeitas sempre ao tempo obras humanas
Coa novidade aprazem; logo em duro
Ódio e desprezo ficam: ama o seguro
Silêncio, fuge o povo, e mãos profanas.

Ah! não te posso ter! deixa ir comprindo
Primeiro tua idade; quem te move
Te defenda do tempo, e de seus danos.

Dirás que a pesar meu fostes fugindo,
Reinando Sebastião, Rei de quatro anos:
Ano cinquenta e sete: eu vinte e nove.

António Ferreira, in Poemas Lusitanos

sexta-feira, 23 de março de 2018

Janela para o passado - Banco Português do Atlântico, 1971

Meditações - os rios a norte do futuro

In den Flüssen nördlich der Zukunft
werf ich das Netz aus, das du
zögernd beschwerst
mit von Steinen geschriebenen
Schatten.

In the rivers north of the future
I cast the net, that you
hesitantly burden
with stone-written
shadows.

Paul Celan

quinta-feira, 22 de março de 2018

Janela para o passado - gravador Akai, 1971

Relógios Alpina Alpiner X, um dos mais avançados smartwatches do mercado


Almoçávamos algures em Nova Iorque com Peter Stas quando o Presidente do Grupo Frederique Constant tirou o relógio do pulso e nos apresentou o Alpina Alpiner X.

Esta é uma das grandes novidades da Baselworld 2018, onde o grupo (além da Frederique Constant e da Alpiona, tem a marca Ateliers deMonaco) estará presente.

Fizemos alguns wristshots do Alpiner X, um dos mais avançados relógios conectados actualmente no mercado, mas tivemos que respeitar o embargo. Até hoje.






Agora já com imagens fornecidas pela marca, eis o Alpiner X nas suas várias versões. O relógio tem caixa de 45 mm, de fibra de vidro negra e aço. A sua luneta é bidireccional a 360 graus e serve de bússola.

O Alpiner X é um verdadeiro instrumento de trabalho para quem pratique desportos ao ar livre, especialmente caminhada. O mostrador convexo, de vidro de safira, ajuda a uma resistência à agua da ordem dos 100 metros de profundidade.


Mas as potencialidades do Alpiner X são sobretudo alimentadas pelo calibre de quartzo MMT-283-1, desenvolvido e produzido pela empresa MMT e que está na génese dos Horological Smartwatches que têm sido apresentados tanto pela Frederique Constant (que acaba de apresentar a primeira geração de um calibre híbrido),  como pela Alpina.

O MMT-283-1 é o calibre mais sofisticado até agora apresentado pelo grupo em termos de smart watches. Todas as funções conectadas são comandas pela coroa e a bateria tem 2 anos de autonomia.

Além de horas, minutos, segundos e data, monitoriza a actividade de tracking, de sono, de programa personalizado de treino (Dynamic Coach). A isso, alia um segundo fuso horário e horas do mundo nos 24 fusos. Cronógrafo, faz também contagens decrescentes. Tem vários tipos de alarme. Recebe notificações de chamadas e de mensagens.

Mas o Alpiner X vai mais longe no software disponível na ajuda a actividades ao ar livre, sobretudo de montanha - tem indicador de raios ultra-violeta, altímetro, termómetro e barómetro, permitindo previsão meteorológica.

No mostrador, o Alpina Alpiner X indica "HSW PRO". Ou seja, é um Horological Smartwatch para profissionais. Na tradição da marca, que nos anos 1950 e 1960 liderou no espírito de exploração e aventura em ambientes de montanha.




Tecnologia Bluetooth permite o diálogo entre o Alpiner X, o telemóvel e a nuvem. Com isso, são armazenados e descarregados dados e mostradas no ecrã do smartphine situações dos vários programas e funções.
















Meditações - The clock is ticking, so stay

Waiting for the time to pass you by
Hope the winds of change will change your mind
I could give a thousand reasons why
And I know you, and you've got to

Make it on your own, but we don't have to grow up
We can stay forever young
Living on my sofa, drinking rum and cola
Underneath the rising sun
I could give a thousand reasons why
But you're going, and you know that

All you have to do is stay a minute
Just take your time
The clock is ticking, so stay
All you have to do is wait a second
Your hands on mine
The clock is ticking, so stay

All you have to do is
All you have to do is stay

Won't admit what I already know
I've never been the best at letting go
I don't wanna spend the night alone
Guess I need you, and I need to

Make it on my own, but I don't wanna grow up
We can stay forever young
Living on my sofa, drinking rum and cola
Underneath the rising sun
I could give a million reasons why
But you're going, and you know that

All you have to do is stay a minute
Just take your time
The clock is ticking, so stay
All you have to do is wait a second
Your hands on mine
The clock is ticking, so stay

All you have to do is
All you have to do is stay

All you have to do is stay
So stay, yeah

All you have to do is stay a minute
Just take your time
The clock is ticking, so stay
All you have to do is wait a second
Your hands on mine
The clock is ticking, so stay
All you have to do is stay

Zedd & Alessia Cara, Stay

terça-feira, 20 de março de 2018

Janela para o passado - para a queda de cabelo, Personal... 1969

Hora de Verão começa no domingo


Na noite de sábado para domingo, de 24 para 25 de Março, os relógios adiantam 60 minutos e entra-se na chamada Hora de Verão. Este regime funciona até 28 de Outubro, quando os relógios atrasam 60 minutos e se entra na chamada Hora de Inverno. Sobre a polémica da mudança da hora, leia aqui.

Lido aqui: It’s absurd – and fitting – that [...] opponents and supporters of daylight saving are still not sure exactly what it does. Despite its name, daylight saving has never saved anyone anything. But it has proven to be a fantastically effective retail spending plan.

Siga-nos no Instagram - entre connosco na maior feira do mundo de Relojoaria


A partir de amanhã, abrimos as portas de mais uma Baselworld, a maior feira do mundo do sector da Relojoaria. Entre connosco e conheça tudo sobre as novas máquinas do tempo. Siga-nos no Instagram.